Compreender e humilhar

Postado por em jun 5, 2014 em Blog | Um Comentário

Compreender e humilhar

“Então me disse: Não temas, Daniel, porque desde o primeiro dia em que aplicaste o teu coração a compreender e a humilhar-te perante o teu Deus, são ouvidas as tuas palavras; e eu vim por causa das tuas palavras.” Daniel 10:12 (ACR)

O capítulo 10 de Daniel é rico em profecias. É difícil extrair algo sem entrar no mérito teológico e nas discussões que podem ser causadas por esse. No entanto, Deus sempre fala através da Sua palavra, e isso está provado no versículo acima.

Daniel tem mais uma visão. Ele enxerga alguém com aparência de homem, que pode ser comparado ou até mesmo relacionado a Jesus. Temendo e tremendo com a presença de Jesus (vamos usar essa vertente teológica), Daniel cai por terra. O espírito o chama de “homem muito amado” (v. 11) e posteriormente afirma o que está escrito acima, no versículo 12. Ele demonstra o cuidado de Deus para com os fiéis.

A partir do momento em que Daniel decidiu viver sua vida para Deus e aplicar o seu coração a compreender-Lhe, suas orações foram ouvidas. Essa verdade não apenas demonstra a importância da fidelidade do Cristão para com o Senhor, mas a grandeza da fidelidade que o Senhor tem para com Seus filhos. Deus é fiel sempre, e Ele ouve nossas orações.

Aprendemos, ao longo desse estudo, que os jovens, em especial Daniel, eram fiéis a Deus. E Ele os livrou de inúmeras circunstâncias de morte. Porém, Deus não os livrava no momento certo, mas aos 45 do segundo tempo! Os jovens entraram na fornalha e foram milagrosamente salvos; Daniel foi lançado na cova e a boca do leão foi amarrada. Eles não foram livres do, mas no momento de angústia. E isso demonstra a Sua fidelidade.

Embora saibamos que é difícil ser fiel nos nossos dias, também o era na época de Daniel, dos profetas, de Cristo. Hoje temos acesso a muita informação, pregações online, estudos, à própria Bíblia. Houve momentos em que isso não era possível. Daniel tinha sua fé em Deus e isso lhe bastava. O importante era o seu coração, que estava aplicado a compreender e se humilhar diante de Deus. É o que precisamos para sermos Cristãos vitoriosos sobre o pecado e o mundo.


Confira os outros textos da série sobre Daniel:

Cap. 1 – Daniel: muito mais que a cova de Leões (1)
Cap. 2 – Daniel: muito mais que a cova de Leões (2)
Cap. 3 – Quem não tem ídolos?
Cap. 4 – Desfaze os teus pecados
Cap. 5 – Santo e Profano
Cap. 6 – Um anjo na cova dos leões
Cap. 7 – Fechando o coração
Cap. 8 – Qual a sua oferta?
Cap. 9 – Aprendendo a Orar
Cap. 11 e 12 – Daniel sai da cova dos leões