#PADD035: Bíblia – Papel vs Digital

Postado por em out 3, 2014 em Podcast | 25 Comentários

PADD035: Bíblia - Papel vs Digital

Tá no ar! No episódio 35 do podcast Pelo Amor de Deus, EddieTheDrummer e Rafael Bottega recebem os convidados Franklin Almeida (Achando Graça) e Pedro Angella (No Barquinho) para falar sobre os diferentes tipos de Bíblia.

Deixe seu feedback nos comentários. É muito importante para nós!

Dê o play!

Para ouvir, clique no player acima ou clique em Download para baixar (caso não inicie o download, clique com o botão direito e clique em “Salvar link como”). Você também pode escutar em uma janela 😉


Neste episódio:

Saiba quais são as vantagens de cada tipo de Bíblia.
Conheça aplicativos de Bíblia para você utilizar.
Descubra onde se pode usar a Bíblia digital (ou não).


Links comentados:

PADD Série Abismo Ligado
Texto: A Bíblia, o celular e o culto a Deus
APP Olive Tree (iOS e Android)
APP YouVersion (iOS e Android)
APP Bible-Discovery (Android)
Bible Hub
PADD026: Discipulado
PADD031: Pai Espiritual
Bíblia Irmãos.com
Bíblia Online


Área de Feedbacks

PADD Indica!

PODCAST 2 EM 1 #45 – A BOA MÚSICA CRISTÃ


Assine o Feed do nosso podcast!

RSS Podcast Pelo Amor de Deus (http://www.peloamordedeus.org.br/feed/podcast/)
Assine no iTunes (http://www.peloamordedeus.org.br/itunes/)
Estamos também no YouTuner, Podflix e Podfy


Acompanhe nas rede sociais!

Facebook – https://facebook.com/OficialPADD
Twitter – Siga @_padd


  • Lourival Gonçalves

    Primeirão aqui EDD.kkk

  • Paloma Pena

    partiu ouvir 😉

    • Paloma Pena

      Episódio muito bom!

      agenda digital Eduardo Silveira?? haha tá jovem eim hehehe

      também uso muito bibliaonline.com.br hehe

      eu, por mais que eu seja uma pessoa bem ligada em tecnologia não uso apps de bíblia. Já usei YouVersion (tenho no meu celular pra caso de apuros) mas procuro sempre estar com minha bíblia de papel, com minhas anotações e tudo mais que vocês falaram.

      abraço meninos 😉 que Deus continue usando vocês!!

  • Edson Romanatto

    Prefiro a bíblia em papel, acho muito estressante usar a versão tecnológica, embora eu use em algumas situações mas sempre evito usar.
    Grande abraço.

  • Bacana pessoal que o papo rendeu e a discussão abordou os pontos que realmente estão na pauta do momento. De fato, existem alguns problemas que envolvem o uso da Bíblia Digital, como a distração ou a desaprovação por parte do pessoal mais antiquado. Creio que é um caminho ainda longo e passa pela substituição completa do digital pelo livro de papel. Acho que não veremos essa transição e o papel vai continuar muito vivo. Como Millor Fernandes dizia, o livro não apaga, não dá tilt e não quebra se cair por um descuido. Ótimo post e parabéns pelo episódio.

  • Fala, cabras! Episódio muito bom! Papo leve e descontraído!
    Em relação ao papel ou ao digital, uso ambas! Quando vou pregar ou mesmo estudar uso, em regra, a Bíblia de papel, mas sempre acesso a digital, principalmente, quando desejo fazer uma busca, uma vez que sou péssimo para lembrar o endereço dos versículos.
    Quanto ao cara que amaldiçoou o celular, falamos sobre isso no episódio #07 de Os CabraCast (Fazendo jabá! hehehehe)!

    http://oscabracast.com.br/07-e-que-o-sagrado-se-tornou-hilario

    No mais, um abraço a todos!

    • Obrigado pelo teu feedback Ivandro! Me lembro desse caso no OsCabraCast 😛

      Abraço

  • Gabriel Tuller

    Episódio muito legal! Achei a discussão bem propícia pros dias de hoje. Acredito que um dos problemas da nossa geração seja a dificuldade de se concentrar muito em uma coisa, daí a dificuldade de usar o app pra leitura da bíblia. Óbvio que existem formas de não perder o foco com os joguinhos e notificações, mas aí vai da maturidade das pessoas.
    Como o Pedro disse, também dá pra se distrair com a bíblia de papel (eu mesmo quando era criança usava os mapas pra desenhar..hahahah).

    Eu passei a usar mais os apps por não conseguir levar a bíblia de papel pra todo canto, mas ainda assim continuo lendo a de papel por gostar de rabiscar e anotar tb.. =) creio que uma não altera a funcionalidade da outra. Se for pra abençoar, então é válido.

    Mais uma vez, uma ótima discussão sobre o tema, continuem assim!

    • Obrigado pelo teu feedback Gabriel! Bom ver vocês colocando suas opiniões nos comentários 😉

      Abraço

  • Orian Oliveira

    uoooooooooow
    podcast polemico sera? rsrsrs
    baixandoooooooooooo (Y)

  • Como exemplo, no inicio minha igreja estava meio resistente, mas hoje eles entendem a facilidade de se utilizar o dispositivo. Com relação a questão a fone até eu sou contra.. kkkk To até vendo todo mundo ouvindo jogo… Mas falando sério, a bíblia tem de se ser usada com sabedoria. Já cansei de ver por exemplo pessoas no culto lendo na bíblia de papel aqueles estudos, ou seja, não importa o que tem na mão, quem esta desligado vai se distrair, até com o microfone do pastor..

    • Muito obrigado pelo feedback Alexandre! A Bíblias de estudo tem um inclusive um plus, que é comprovar o que está sendo falado ahahah Os “teólogos de plantão” 😛

      Abraço

      • Estou pensando em fazer uma versão minha de estudo. Diferenciada, onde colocarei apenas palavras e frases curtas. Ex:
        Concordo..
        Tá vendo?
        Entendeu?
        É para ler e fazer viu…
        KKKKKK

  • Luis Vulcanis

    O que eu tenho percebido nos cristãos mais próximos a mim é uma sacralização do papel e a demonização do digital esquecendo, ou não entendendo, que o sagrado não é o veículo (mídia) e sim o conteúdo (a palavra).

  • Pingback: No Barquinho #071 - Desenhos da nossa infância()

  • E aí pessoal,

    Seguinte, vou ser sincero, achei o tema um pouco arrastado, porque todo mundo tinha a mesma opinião e foram falando de forma um pouco diferente cada. Dá pra resumir o podcast em: Bíblia no celular é legal, mas tem que ter cuidado pra não perder atenção no culto.

    Eu já tenho uma opinião diferente, inclusive pensando na galera mais nova, que vocês até deram uma pincelada mas sem aprofundar, eles não conseguem fazer uma coisa de cada vez, e por incrível que pareça conseguem prestar atenção, por exemplo, numa pregação e ficar mexendo o tempo inteiro no celular. Segundo o que entendi de vocês, isso é errado.

    Eu acredito que não há problema nenhum mexer em outros apps durante a pregação, PRINCIPALMENTE SE O PREGADOR FOR RUIM, e acho inclusive que deveríamos incentivar os jovens a compartilhar o que está sendo lido/discutido na internet DURANTE a pregação.

    Do jeito como vocês colocaram, parece que a pregação é algo totalmente sagrado e que o pastor é o sacerdote, único portador da voz de Deus. Em várias pregações eu fui extremamente abençoado por textos que comecei a pesquisar e ler a partir de um versículo que o pregador expôs mas não desenvolveu.

    Quando eu prego na igreja procuro não passar essa mesma impressão, tento ao máximo fazer as pessoas participarem (em grupos reduzidos é mais fácil) e em último caso se as pessoas estiverem entediadas procurando outras coisas no celular a culpa é TOTALMENTE MINHA.

    Enfim, senti falta desses contrapontos serem explorados no podcast.

    Abração!

    • Muito obrigado pelo teu feedback @mmsoares:disqus
      Sobre a concordância, quando chamei a galera, tentei buscar inicialmente pessoas com pensamentos diferentes, mas no fim, houve consenso. Devia ter te chamado hehehe

      Entendi os pontos que tu comentou, realmente faltaram no episódio #FicouADica. Quero levantar um contra-pensamento. Se a pessoa quer pesquisar referências ao que está sendo tratado na mensagem e isso não atrapalhar ninguém, não vejo problemas, afinal, ela tem consciência do que faz e ninguém é prejudicado. Nesse ponto concordo contigo. Agora, o que será que a pessoa que está “falando lá na frente” vai pensar ao ver o jovenzinho jogando Angry Birds durante a pregação (estou exagerando no exemplo de app, eu sei ehehe)? Será que realmente não há problema de mexer em outros apps, mesmo que consiga prestar atenção? Será que não atrapalha os outros, ou sinaliza falta de respeito ao pregador? Claro, é muito mimimi, mas se o que eu faço pode levar o outro a pecar de alguma forma, devemos tomar cuidado.

      Mesmo assim, ótimos pontos levantados Matheus. Lembrarei de te convidar para um PADD. Já fica o convite!

      Abraço!

  • Pingback: #PADD084: Geração selfie | Pelo Amor de Deus()