Quando não acontece do meu jeito

Postado por em mar 15, 2017 em Blog | Um Comentário

Quando não acontece do meu jeito

“Uma menina faz pirraça, o pai, para corrigir a criança, faz a menina sentar no tapete como que em castigo, põe a mão sobre a sua cabeça segurando para que ela sente no tapete e pense no que fez. A menina senta, mas diz para o pai: ‘por fora eu tô sentada, mas por dentro, eu tô de pé’.” (trecho de uma pregação de Lucinho Barreto.)

Existem momentos na nossa caminhada com Deus em que Ele contraria a nossa vontade e, como resposta, agimos como a menina, abaixamos a cabeça e nos sentimos quase obrigados a aceitar a situação, porque sabemos que é Deus, mas no nosso coração, “estamos em pé” como a menina.

Muitas pessoas sabem que receber um NÃO de Deus é normal durante a jornada, para não dizer, recorrente. Quando ingressamos na vida cristã, percebemos que as coisas podem não funcionar exatamente como gostaríamos. Tem gente que bate o pé, ameaça Deus. E tem até quem pule para fora do barco, “se não é como eu quero, então EU não quero!” Agora, se o amor de Jesus criou raiz, não dá mais pra fugir, não existe mais vida sem Ele.

O ponto é que quando já estamos mais acostumados com os NÃOs, as esperas, as derrotas na nossa caminhada, o coração vai ficando mais duro. Nós até aceitamos o que vem de Deus “por fora”, mas por dentro, queremos dar o nosso jeito, queremos tomar as rédeas da situação. Mas Deus sabe o que nós precisamos no nosso interior para sermos melhores, Ele sabe como forjar o “material” dentro de nós. Em longo prazo, é o que vai sustentar tudo aquilo que receberemos dEle.

O que fazer então? A resposta está no versículo:

“Cheguemos, pois, com confiança ao trono da graça, para que possamos alcançar misericórdia e achar graça, a fim de sermos ajudados em tempo oportuno.” – Hebreus 4:16 (ACF)

Precisamos nos achegar para que Ele nos ajude a encontrar uma resposta, ou para encontrar a calma necessária para fazer calar os questionamentos. Essas coisas que só Jesus consegue fazer. Em Filipenses 4:6-7 diz:

“Não andem ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplicas, e com ação de graças, apresentem seus pedidos a Deus.
E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os seus corações e as suas mentes em Cristo Jesus.” – Filipenses 4:6,7 (NVI)

Até a próxima!

Sobre Débora Schardong

Aspirante de jornalista, xodózinho da minha mãe, doida por música e por arte. Filha de Deus. Não tenho medo de barata.

  • Marlon Vieira

    Essa de endurecer o coração eu sei bem, as recorrentes pancadas nos fazem estarmos mais preparados para a próxima que virá. Pensando bem, não precisaríamos da próxima se aprendêssemos na primeira, não é mesmo? Haha, boa reflexão.