Cristão que bebe

Postado por em jul 6, 2016 em Blog | Sem Comentários

Cristão que bebe

E ai galera tudo certo ?

Bom primeiramente eu gostaria de pedir desculpas à todas as pessoas que acompanham o blog do PADD, pois como alguns de vocês devem ter percebido (ou não haha), eu fiquei um tempo sem aparecer por aqui devido a algumas coisas que aconteceram em minha vida que acabaram me abalando e me deixando afastado de muitas coisas, e uma delas foi o blog.

Mas o importante é que isso passou, e o tempo em que eu fiquei afastado não foi um tempo só de coisas ruins. Nesse tempo consegui pensar muito na minha vida, no que estava fazendo, algumas atitudes que estava cometendo e como eu poderia tentar reverter essa situação. E hoje gostaria de falar um pouco sobre uma dessas coisas que aconteceram.

Bem, aceitar Jesus foi a melhor escolha que já fiz em toda a minha vida, pois nesse momento eu ganhei vida, vida eterna. Mas com o passar do tempo eu comecei a reparar que muitas coisas em mim ainda não haviam mudado. E umas dessas coisas era em relação a bebida.

Toda vez que eu bebia conseguia perceber que algumas coisas em mim mudavam, principalmente as atitudes, e isso começou a me chamar muito a atenção. Então fui procurar ver o que as pessoas que estavam ao meu redor pensavam sobre bebidas alcoólicas. Alguns me falaram que eu podia beber se não ficasse bêbado, uns me falaram que não podia beber porque isso não era de Deus, outros me falaram que se a bebida não me fazia pecar, estava tudo certo. Ouvi vários pontos de vista diferentes, mas aquilo ainda estava me incomodando.

Um dia resolvi procurar na bíblia a resposta pra isso, e foi aí que consegui responder a minha pergunta. Na carta de 1 Coríntios 10:31,32 diz o seguinte:

“Assim, quer vocês comam, quer bebam, quer façam qualquer outra coisa, façam tudo isso para a glória de Deus. Não se tornem motivo de tropeço, nem para judeus, nem para gregos, nem para a igreja de Deus.” – 1 Coríntios 10:31,32 (NVI)

Quando eu li esse texto, parei e comecei a olhar para mim, nas coisas que eu estava fazendo, e vi o quanto eu estava errado, pois eu não estava bebendo para a glória de Deus, muito pelo contrário, estava cometendo pecado. E foi então que decidi parar de beber. Muitos podem achar que é uma atitude radical, ou falar que isso pode ser alguma religião pelo fato de “não poder” beber, mas o fato é que estou muito convicto no que penso e além do mais, meu coração esta em paz.

Mas eu me pergunto, e os outros? Será que eles vão pensar da mesma forma que eu? A bíblia não proíbe os cristãos de beber, mas como o texto ali em cima falou, será que estamos bebendo para a glória de Deus? Até hoje nenhum cristão conseguiu, e acho pouco provável que consiga, me provar que bebe para a glória de Deus, porque se ele tomar um gole de cerveja, ou vinho, bebida destilada, qualquer coisa que seja, na frente de alguém ou até mesmo sozinho, e depois dirigir, esse cristão já vai estar pecando. Ou se essa pessoa beber na frente de outras pessoas que não tem Cristo como Senhor e salvador da sua vida, mesmo que não fique bêbado, o que será que os outros irão falar quando na sexta te veem em um bar bebendo cerveja e rindo, fazendo o que todos lá estão fazendo, e depois no domingo te virem indo pra igreja com a bíblia em baixo do braço?

Faça essa pergunta também a você, como eu me fiz: será que Deus está feliz com essa atitude que eu estou tomando? Pense nisso 😉

Sobre Roger Eduardo dos Santos

Estudante do curso de Engenharia Mecânica, 19 anos, trabalha na empresa Todeschini. A um ano e meio teve a oportunidade de conhecer Jesus, desde então tenta seguir uma vida parecida com a que Ele teve, sempre focado nas coisas do reino de Deus. Espera através de seu testemunho poder apresentar Jesus para as outras pessoas!