A ilusão da falsa independência

Postado por em jul 20, 2016 em Blog, Texto do Leitor | Sem Comentários

A ilusão da falsa independência

Dia desses Deus me questionou com um dilema um tanto complicado de raciocinar, mas me pus em suas mãos e lhe dediquei o tempo necessário para responder a tal confusa pergunta. Ele, em toda Sua doçura, chegou mais perto e sussurrou: “o que te faz se afastar de Mim?”. E por horas fiquei perplexa sem saber o que pensar, afinal, o que me fez escolher ficar afastada dEle assim?

Passei a avaliar cada fase da minha vida e descobri que, ao longo dela, cultivei uma independência a qual eu mal sabia que era apenas uma grande farsa. Minha personalidade parece exigir liberdade para tudo, o tal do livre-arbítrio é quase um dogma que eu defendo. Cresci almejando ser independente, porém, eis que O Cara lá em cima corta minhas asinhas e me mostra a realidade. Uma realidade que eu gostaria de ter descoberto muito antes.

“Espera, ainda anda meio confusa essa ideia de falsa independência”… pois bem, eu explico. Quando nos afastamos de Deus podemos ter milhões de motivos, mas embora sejam tantos e diferentes todos acabam se conectando a um único em especial: não querer ser totalmente dependente dEle. Achamos que nos pequenos momentos da vida não precisamos da Sua ajuda e acabamos O percebendo somente nos momentos críticos e difíceis, ou O agradecendo nos dias de sucesso e felicidade plena. “Para quê vou precisar de Deus se consigo fazer tal coisa sozinha?”.

Porém, a questão é justamente essa. Ele está conosco nos momentos críticos, nos momentos bons e naqueles meios-termos que achamos conseguir superar de forma fácil. Quando O aceitamos em nossa vida, passamos a habitar em Deus e deixar que Ele habite em nós, de forma completa. Se continuarmos a pregar a falsa independência, tendemos a deixar de lado Aquele que está ali por nós.

Deus não se divide em pedacinhos e distribui cada parte de Si por aí, Ele se doa por inteiro a cada um de nós e para O aceitar devemos nos entregar ao todo também. Enquanto não concordarmos em viver com Ele no nosso dia a dia, estaremos O afastando e tentando nos tornar menos dependentes. De que vale a independência em certos momentos se na hora do aperto clamamos por Sua ajuda? A falsa independência, não só diante de Deus, é uma atitude egoísta da qual devemos nos desligar. Deus é o único ser independente.

Depender só por momento não é se entregar de alma e coração, depender só por momento é simplesmente buscar conforto em algum lugar. Depender só por momento é não deixar Aquele que habita em você se sentir a vontade para espalhar Sua graça em seu próprio ser, é ignorar o fato de que você precisa sim dEle em todos os momentos da sua vida e principalmente, esquecer que anda de mãos dadas com Aquele que te ajuda a passar por qualquer mínima situação sem hesitar.

Depois de pensar tanto na minha própria ilusão perante a falsa independência que cultivei por anos, cheguei a conclusão de que é preciso depender do Seu amor, sentir-se amada para não se afastar. Preferi ser dependente de Deus ao invés de cultivar uma falsa independência nos momentos fáceis e nos difíceis correr para o Seu colo. Agora eu pude aceitar, sem orgulho, o carinho e a atenção em cada detalhe que Ele, do Seu jeito incrível, manifesta em mim.

“Com a força que cristo me dá, posso enfrentar qualquer situação.” – Filipenses 4:13


Esse texto foi enviado pela nossa leitora Gabrielle Roveda.

Sobre Texto do Leitor

Esse texto foi enviado por um dos nossos leitores. Você também pode ter seu texto publicado aqui. Para isso, envie-o para o e-mail textodoleitor[at]peloamordedeus.org.br. Ficaremos felizes em analisar sua contribuição e conversar com você =D